• Assembleia e CMJP aderem ao “Novembro Azul”

    A Assembleia Legislativa da Paraíba e a Câmara Municipal de João Pessoa, aderiram a campanha Novembro Azul, um movimento de conscientização realizado por diversas instituições, voltado para...

    A Assembleia Legislativa da Paraíba e a Câmara Municipal de João Pessoa, aderiram a campanha Novembro Azul, um movimento de conscientização realizado por diversas instituições, voltado para a prevenção das principais doenças que atingem a população masculina, com destaque para o câncer de próstata. O Novembro Azul surgiu na Austrália, em 2003, chamado Movember, por ocasião do Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata, lembrado no dia 17 de novembro.

     

    Deputados estaduais destacaram a importância do diagnóstico precoce do câncer de próstata, principal alvo de conscientização do público masculino por conta do Movimento Novembro Azul. O envolvimento de órgãos públicos e a luta contra o preconceito foram alguns dos temas abordados pelos parlamentares. Segundo estimativas do Instituto Nacional do Câncer (Inca), o Brasil deve diagnosticar, em 2017, 61,2 milhões de novos casos da doença. 

    Para o deputado Ricardo Barbosa, a conscientização sobre o diagnóstico precoce do câncer de próstata é uma grande arma contra o alto número de mortes na população masculina por conta da doença. “Posso falar com conhecimento de causa – já que fui vítima desse mal – de que o diagnóstico precoce é fundamental na luta contra a doença. Graças a Deus estou curado, e reconheço a importância da campanha Novembro Azul”, afirmou.

    Já o deputado Hervázio Bezerra afirmou que, paralelamente à conscientização sobre o diagnóstico precoce, é importante que o Movimento Novembro Azul atue para destruir preconceitos. “É preciso que todos se conscientizem de que a saúde é, sem dúvidas, mais importante que qualquer preconceito. É preciso que nós homens tenhamos o hábito de ir ao médico regularmente, que possamos perder a vergonha e o preconceito”, ressaltou. 

    O deputado Raniery Paulino, por sua vez, ressaltou a importância do envolvimento de órgãos públicos, a exemplo da Assembleia Legislativa, para fortalecer as mobilizações em torno do Novembro Azul. "A divulgação e a inclusão desse movimento na agenda, seja da Assembleia ou de outras instituições, tem o mérito de, além de diminuir o preconceito, conscientizar sobre o diagnóstico precoce, contribuindo para uma maior longevidade da população masculina”, finalizou.
     

    Câmara decora fachada e promove discussões

    novembroazul_ft_Juliana 019

    História do movimento

     

    A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) também aderiu à campanha 'Novembro Azul'. Por isso, além da fachada da Casa Napoleão Laureano ganhar tons de azul, o plenário está decorado com símbolos da campanha e o Legislativo pessoense ainda desenvolverá durante o mês ações de conscientização em prol da causa.

     

    Para o presidente da CMJP, é importante que o Legislativo participe das campanhas de conscientização da sociedade sobre a prevenção de doenças, assim como aconteceu no 'Outubro Rosa', agora no 'Novembro Azul'.  “É de fundamental importância que a Câmara atue junto com a sociedade onde ela mais precisa, neste caso é na saúde, aderindo à campanha de conscientização de combate ao câncer de próstata, que pode diminuir a taxa de mortalidade na Capital apenas com a realização de exames preventivos”, defendeu.

     

    “A prevenção sempre é o melhor remédio e devemos estimular a conscientização da sociedade de várias formas. O câncer de próstata é um dos cânceres que mais afeta o sexo masculino e é importante ter entidades civis, como a CMJP, se engajando nessa luta para conseguir a adesão dos homens, que ainda são muito resistentes à tratamentos de saúde”, declarou o vereador Luís Flávio (PSDB), que também é médico.

     

    Evento na Câmara

     

    Na semana que vem, quinta-feira (9), a CMJP, em parceria com a Prefeitura da Capital, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), realizará evento voltado à saúde masculina, em alusão ao 'Novembro Azul' e aos cuidados do homem, principalmente com a prevenção e diagnóstico precoce do câncer de próstata.

     

    Na ocasião, serão ofertados serviços de glicemia capilar; verificação de pressão arterial; encaminhamento do Antígeno Prostático Específico (PSA), um dos principais exames que pode identificar o câncer de próstata; odonto móvel; além de corte de cabelo; argilo terapia; manicure; auriculoterapia; massagem; café da manhã; e música ao vivo. A ação acontecerá das 8h às 12h, no estacionamento da Câmara.

     

    História do movimento

     

    O movimento, inicialmente chamado 'Movember', surgiu aproveitando as comemorações do 'Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata', realizado a 17 de novembro, na Austrália, em 2003. Já no Brasil, o 'Novembro Azul' foi criado pelo Instituto Lado a Lado pela Vida, com o objetivo de quebrar o preconceito masculino de ir ao médico e, quando necessário, fazer o exame de toque.

     

    Em 2014, o Instituto realizou 2.200 ações em todo o Brasil, com a iluminação de pontos turísticos (como Cristo Redentor, Congresso Nacional, Teatro Amazonas, Monumento às Bandeiras), adesão de celebridades, ativações em estádios de futebol, corridas de rua e autódromos, além de palestras informativas, intervenções em eventos populares e pedágios nas estradas.

     

     

     

     

    Fonte: Assessoria

    Neste artigo

    Participe da conversa