• Curtinhas: Pedro justifica escolha de Micheline: “é a parceira de Romero, desde dentro de casa”

    Tá meio difícil até mesmo para os mais graduados oposicionistas afastar a tese de critérios familiares para formação de uma das chapas da oposição ao governo do...

    Tá meio difícil até mesmo para os mais graduados oposicionistas afastar a tese de critérios familiares para formação de uma das chapas da oposição ao governo do Estado. Encabeçada pelo irmão do prefeito de João Pessoa, e tendo como vice a mulher do prefeito de Campina Grande, ambos sem experiência administrativa, a chapa ganhou o apelido de chapa “maninho” e “mozinho”. O deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) tentou ontem justificar a escolha de Micheline para vice de Lúcélio. Em entrevista a Rádio Correio, indagado que trabalho Micheline desenvolve em CG que a justifique na chapa, Pedro cravou: “é a parceira de Romero, desde dentro de casa”. O problema é que o Estado da Paraíba é bem maior que uma mansão na fazenda Boi Só, dois apartamentos no Altiplano e a casa de Romero.

    Neste artigo

  • Participe da conversa